7 tendências de mercado pós-pandemia para corretores!

Omar Ajame
7 tendências de mercado pós-pandemia para corretores!

A crise causada pelo novo coronavírus provocou muitas mudanças no comportamento do consumidor e gerou alterações na procura por determinadas demandas de muitas empresas. Em busca de reverter essa situação, alguns gerentes de Corretoras procuram implementar tendências de mercado pós-pandemia.Uma Corretora de Seguros tem um papel muito importante e imprescindível nos dias de hoje. Afinal, analisar de forma preventiva e identificar certos riscos são tarefas bastante relevantes e um investimento necessário na vida de um indivíduo.Nos tópicos abaixo, você terá a oportunidade de saber 7 tendências de mercado pós-pandemia, expandir seu conhecimento sobre o tema e ver o quanto a tecnologia ajudará seu negócio a crescer e melhorar os fluxos de trabalho. Por isso, continue conosco e tenha uma boa leitura!

1. Diversificação de canais e estruturação online é uma das tendências do Mercado

A agilidade e a inovação são dois aspectos que ajudam no processo de atração e fidelização de clientes. Um atendimento rápido e eficiente cativa o cliente e é necessário que uma Corretora de Seguros aposte nessas medidas com a ajuda da tecnologia.Os chatbots, por exemplo, são uma das tendências de mercado que promovem a interação entre homem e máquina, no intuito de promover a inteligência dentro dos fluxos de trabalhos, conforme a ideia central da Indústria 4.0.Com essa ferramenta, o gerente poderá otimizar o volume de demandas do SAC, coletar dados importantes para estabelecer uma melhor experiência com o seu público e a marca, personalizar a linguagem e o tom das mensagens e reduzir os custos operacionais por ser uma tarefa automatizada.Como o foco é propagar a inteligência no dia a dia, não podemos esquecer do comando de voz, fator primordial aos que passaram pela transformação digital e querem usar os recursos da Internet das Coisas de maneira benéfica.No entanto, é interessante seguir uma determinada estruturação e que os atendimentos sejam diversificados. Investir em mais de um canal de comunicação é necessário e a prática omnichannel é uma implementação que colabora com o crescimento do seu negócio e a gestão dos seus contatos.

2. Maior ênfase no trabalho remoto

Praticamente todas as empresas e profissionais do mundo tiveram que mudar a forma como exercem suas funções. Afinal, um escritório fechado e cheio é o pior lugar para se estar quando se trata de uma doença tão contagiosa quanto o coronavírus. Uma mudança decorrente disso é o crescente foco no trabalho Home Office.O trabalho remoto, em que o profissional tem toda a estrutura montada em casa e sai apenas quando necessário, já era algo comum em vários setores nos últimos anos. Porém, devido à necessidade criada pelo isolamento social, essa tem se tornado a norma em várias outras áreas.

3. Tecnologia como parte de todos os processos

Graças à tecnologia digital, vários dos trabalhos realizados pelas Corretoras de Seguros se tornaram bem mais fáceis. Desde a emissão de relatórios e documentos até o contato com o público. E muitos desses recursos prometem se tornar ainda mais relevantes no mercado pós-pandemia, criando mudanças mais profundas no mercado.Um dos investimentos mais claros é em ferramentas de automação. Sistemas de gestão são muito úteis para acelerar processos e otimizar tarefas. Por exemplo, automatizar a organização de documentos ou contatos de clientes poupa bastante tempo e energia da sua equipe.Da mesma forma, você pode ter uma plataforma onde estes dados são reunidos, sendo de fácil acesso para todos os seus colaboradores. Algo importante para permitir a coordenação de vários profissionais ao redor de uma mesma tarefa.

4. Preocupação com a saúde e bem estar

O impacto da pandemia na saúde pode ser bem mais sutil do que muitos imaginam. Além dos casos em que uma pessoa sofre com a doença, o isolamento social também pode ter outros efeitos negativos.Primeiramente, existe a questão dos exercícios, movimentação e sol. Passar tempo demais em casa pode te privar de elementos indispensáveis para sua saúde. Da mesma forma, a falta de contato interpessoal também pode afetar a saúde mental de profissionais e clientes.Para lidar com esses pontos, a empresa precisa tomar as medidas certas de preparo. Mudança nas rotinas, limpeza, reorganização de agendas, entre outras coisas. Além disso, os profissionais também devem levar estes fatores em conta durante o contato com o público.

5. Desenvolvimento de novas competências

Com a chegada de um novo perfil de consumidor no período pós-pandemia, a forma como você deve lidar com o público também muda. A ênfase no dinamismo e em soluções rápidas e eficazes já era parte do dia a dia da maioria das Corretoras. Porém, há outro fator que deve ser adicionado à lista: a conveniência.Devido ao isolamento social, muitas pessoas estão dispostas a investir em serviços que reduzam o quanto elas precisam se movimentar fora de casa. Atendimento remoto, informações melhor esclarecidas online e, claro, profissionais preparados para atender a estas demandas.Para aqueles que vão trabalhar em casa, a capacidade de autogestão e a disciplina são muito importantes. Poder gerir os próprios horários, sem necessidade de supervisão, é indispensável para manter a produtividade nesse período.

6. Hiperpersonalização de produtos ou serviços

Como foi dito, a pandemia causada pelo novo coronavírus gerou uma crise e fez crescer nas empresas as apostas em estratégias que fortalecem o diferencial competitivo da marca.No intuito de garantir a satisfação e a qualidade dos serviços prestados, a hiperpersonalização de produtos ou serviços é uma tendência de mercado que busca superar as expectativas de quem procura uma Corretora de Seguros.A comunicação personalizada já é uma realidade em muitos negócios e essa medida tem a proposta de ir além do padrão oferecido nos dias atuais. O uso da inteligência artificial ajuda os times desde a criação de estratégias de marketing até as táticas que facilitam a jornada de compra de um usuário.Logo, é muito importante oferecer o serviço certo, vinculado às necessidades de seu público-alvo, porque é imprescindível acompanhar as mudanças comportamentais dele e fazer uma contextualização do que ele quer encontrar naquele momento.

7. Análise de dados

Essa é uma tendência de mercado que ajuda não só nas questões relacionadas ao seu público-alvo, mas promove a produtividade nas equipes e o bom aproveitamento das informações coletadas.Em resumo, o uso de sistemas integrados que modificam a cultura organizacional e mantêm a segurança do que é coletado possibilita o sucesso das prospecções e das negociações a cada venda de seguro feita. No entanto, é interessante já seguir as normas de LGPD e se adequar ao que já está em vigor no Brasil.O TELEPORT é um sistema que, além do MultiCálculo, oferece gestão completa e analise de dados 100% seguro para sua Corretora.Durante a leitura deste artigo, você conheceu algumas tendências de mercado a serem aplicadas na sua Corretora de Seguros. Portanto, atente para o que foi dito nos tópicos e aproveite as oportunidades de crescimento que a tecnologia oferece.Você já conhecia as tendências citadas? Acha que mais pessoas deveriam se informar a respeito? Então compartilhe este artigo em suas redes sociais e mostre a mais pessoas como acompanhar essas tendências.

Ouça o TExTalk!  🎧

Assine nossa Newsletter para receber artigos e dicas!

Acompanhe a TEx!

TEx - InstagramTEx - FacebookTEx - LinkedInTEx - YoutubeTEx - TikTok
Marketing de Conteúdo para Corretoras de Seguros
TELEPORT - Revolucione sua Corretora

Tags